X_pontos_que_você_precisa_analisar_antes_de_contratar_um_software_para_empresas.jpg.jpeg

Da mesma forma que uma pesquisa é importante no momento da compra de algo como um eletrodoméstico ou um carro, o mesmo precisa ser feito quando se decide comprar ou contratar um software para a sua empresa. É possível afirmar que a análise precisa ser ainda mais complexa, pois, com o advento de tecnologias como a Cloud Computing, Softwares Como Serviço (SaaS), além da possibilidade do desenvolvimento de software sob medida para o seu negócio. No texto de hoje faremos, uma análise do que você precisa saber sobre software para empresas.

Custo de implantação e manutenção

Quando se decide algo como adquirir ou solicitar a criação de um software, é de extrema importância ficar de olhos abertos nas letras minúsculas do contrato. O motivo é o seguinte: os preços podem ser divididos em várias formas, já que temos o software em si, o trabalho de instalar (ou implementar) aquele programa em suas máquinas, além do custo de manutenção — aqueles famosos Help-Desk, que abrimos quando algo dá errado. Dessa forma, deixe claro com o vendedor esses dois pontos antes de fechar a compra.

Acessibilidade nunca foi tão importante

Com tantos dispositivos móveis nas mãos das pessoas — e muitos deles nas mãos dos seus colaboradores, é fundamental que o software a ser adquirido funcione nas mais variadas plataformas (estamos dando ênfase aqui às plataformas móveis), sem esquecer de sistemas como Linux e MacOS, já que cada vez mais empresas abraçam o conceito BYOD (traga o seu próprio dispositivo).

Nome do fabricante não é fundamental

Felizmente, a era da informação permite que uma infinidade de empresas menores tenha acesso ao mesmo tipo de tecnologia que os Big Players. Dessa forma, não ignore pequenas empresas que ofereçam uma solução com melhor custo-benefício. Não se esqueça que soluções customizadas ao seu negócio podem ter um custo muito interessante e você pode deixar de fazer um excelente negócio.

Usabilidade

Muitas vezes, um software “pronto” pode não ter uma fácil adesão por parte dos funcionários e o motivo é simples: eles não conseguem utilizar. Acham complicado, ou ele é realmente complexo na sua utilização. Com um software feito sob medida, é possível construir o programa do jeito que os funcionários gostam e entendem. Ele pode, inclusive, ser parecido com um outro software que eles já estão acostumados,

Cláusulas do contrato

É primordial avaliar as cláusulas do contrato para saber sobre as multas e rescisão. Além disso é nesse documento que você terá detalhado os compromissos da empresa, ou seja, você saberá quais as responsabilidades da contratada e também as suas obrigações como contratante.

Evolução dos Processos

Imagine o cenário onde toda a diretoria da empresa comemora por ter feito um bom negócio. Todo o trabalho, toda a burocracia chegou ao fim e, finalmente, o seu negócio pode começar a utilizar o tão esperado software. Não passa trinta minutos e as primeiras reclamações chegam a respeito de incompatibilidades e da versão ultrapassada do programa.

Por outro lado, com a contratação de um software customizado você poderá adequar as mudanças dos processos da sua empresa ao novo programa. Assim, não apenas a compatibilidade com demais equipamentos será garantida, mas também usabilidade e estabilidade no dia a dia.

E você, já passou pela experiência de pesquisar a aquisição de um novo software para empresas? Ocorreu tudo bem? Não se esqueça de deixar o seu comentário!

Deixe um comentário